Léo de Brito, um guerreiro em ascensão no Congresso Nacional

Em pouco mais de dois meses de seu mandato de deputado federal, o jovem deputado Léo de Brito, do PT do Acre, já começa a se destacar até na mídia nacional pelo trabalho incansável que desenvolve diariamente no plenário e nas comissões técnicas da Câmara dos Deputados.

Na semana passada, por exemplo, o petista acreano foi destaque em matéria do jornal Folha de São Paulo sobre a CPI da Petrobras. O jornal citou o questionamento que ele fez sobre a permanência do deputado Antônio Imbassahi, do PSDB da Bahia, como vice=presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito.

Léo de Brito disse que o colega baiano não poderia continuar sendo um dos dirigentes da CPI porque durante a sua gestão como prefeito de Salvador houve um rombo de mais de R$ 400 milhões constatado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) nas obras do metrô, que eram executadas pelas mesmas empreiteiras investigadas hoje na Operação Lava Jato, em execução pela Polícia Federal na Petrobras.

Deputado debate com a juventude sobre a PEC da Maioridade Penal
Deputado debate com a juventude sobre a PEC da Maioridade Penal

Além da CPI na Petrobras, Léo de Brito tem desempenhado papel importante em outras comissões temporárias da Câmara, como a comissão especial criada para discutir e votar a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que propõe a redução de 18 para 16 anos da maioridade penal no país. A exemplo da CPI da Petrobras, essa comissão vem dando o que falar na mídia nacional.

O deputado do PT acreano também atua semanalmente nas comissões permanentes da Amazônia, da Educação, da Fiscalização Financeira e Controle e da Mista de Orçamento, além do Conselho de Ética, outro palco do parlamento de discussões e decisões importantes, como a cassação de mandato dos deputados.

Trabalho reconhecido pelo partido

“Estou muito feliz por ser reconhecido, no PT, pelo trabalho que estou fazendo nas várias comissões da casa. E também pela defesa firme do Acre, principalmente no momento que o estado vive as conseqüências de uma grande alagação e precisa apoiar milhares de pessoas”, assinala o deputado, ao falar de seus dois meses de mandato.

Por sua atuação nas comissões e no plenário, onde fala quase todos os dias sobre as necessidades do povo acreano, Léo de Brito tem virado referência de luta dentro do PT nacional, que tem a maior bancada da Câmara e é dirigida por outro deputado do PT acreano, o deputado Sibá Machado.

Advogado, professor universitário e expressivo militante do PT acreano, tendo sido um dos de seus mais combatentes presidentes, Léo de Brito se anima com a força e a confiança que o seu partido está lhe dando para atuar no Congresso Nacional. “Mesmo sendo novo aqui, com o apoio do partido já estamos participando de momentos e de debates importantes nesta casa”, diz Léo de Brito.

Deputado Léo de Brito se aconselhando com Tião Viana, que foi senador por 12 anos
Deputado Léo de Brito se aconselhando com Tião Viana,
que foi senador por 12 anos

Nos dois primeiros dois meses do mandato, Léo de Brito faz questão de destacar ainda a sua interação com a bancada do Acre no Congresso, que é coordenada pelo também petista Raimundo Angelim, tendo o deputado e jornalista Alan Rick como coordenador adjunto.

Léo de Brito prestando contas com a população na Rádio Difusora Acreana
Léo de Brito prestando contas com a população na Rádio Difusora Acreana

Segundo o petista, a atual bancada do Acre no Congresso Nacional tem se mantido unida e forte na defesa dos interesses do estado, particularmente no momento em que a grande parte de sua população foi atingida com as enchentes de seus rios.

Romerito Aquino